Endodontia

A endodontia trata das lesões e doenças da polpa (nervo) e da raiz do dente popularmente chamada de tratamento de canal. O tratamento consiste na remoção do tecido mole (polpa) que se encontra na parte interna (canal) do dente, que pode estar viva, sadia, inflamada, infectada ou necrosada (morto).

Causas e sintomas
Dentre os fatores que podem levar à realização do tratamento endodôntico, a cárie é a causa mais comum da inflamação pulpar. Os sintomas mais característicos que indicam o tratamento endodôntico é a dor espontânea. Isto é, o dente começa a doer quando estimulado por calor, frio ou carga intensa – força durante a mastigação.
A dor nem sempre indica a necessidade de um tratamento endodôntico, os sintomas são observados em dentes cariados e em dentes hope-odontologia-cariescom o colo exposto – retração gengival. É preciso uma avaliação mais criteriosa, com auxílio de exames radiográficos e outras tecnologias atuais para um diagnóstico preciso.

Quando o tecido celular dentro do dente se torna gravemente infectado, é possível que a doença se mova através das aberturas da raiz (ápices), e para o lado de fora do dente. Podendo, em seguida, se espalhar para o ligamento periodontal, que ancora o dente no tecido ósseo e na gengiva circundante.

A infecção pode estender-se para o tecido da gengiva e causar uma doença periodontal ou um abscesso doloroso. Mas também é possível que a infecção se espalhe pelo caminho oposto. Neste caso, uma infecção que se originou na gengiva pode percorrer para pequenos lugares chamados de canais acessórios, que estão localizados nas laterais das raízes do dente. A infecção pode, então, se estender para polpa do dente. Em casos de dentes fraturados, é ainda mais fácil para a doença se espalhar.

Tratamento

Quando problemas dentários envolvem os canais radiculares e doenças gengivais, salvar o dente afetado pode ser um desafio. É importante identificar onde a infecção começou: se é um problema na raiz do dente que migrou para a gengiva, as perspectivas para o tratamento do dente são razoavelmente positivas, se receber tratamento imediato. No entanto, se a doença periodontal aparecer primeiro, as perspectivas muitas vezes não são boas, pois é possível que grande parte óssea já tenha sido perdida, fazendo com que o prognóstico do dente seja ruim em longo prazo.

raiox x endodontiaO tratamento de canal é um dos procedimentos mais rotineiros e eficazes dos tratamentos dentários e muitas vezes pode ser realizado em apenas uma visita ao dentista.

O processo de tratamento de canal geralmente começa da mesma forma que uma restauração, e sem maior desconforto: um anestésico é administrado no dente e a região circundante. Para muitos pacientes, o pior já terminou.

Em seguida, uma pequena abertura é feita na superfície do dente afetado para dar acesso à câmara pulpar e canais radiculares. Minúsculos instrumentos são utilizados, algumas vezes com o auxílio de um microscópio, para remover o tecido pulpar de dentro dessas passagens estreitas do canal radicular. A câmara e canais vazios são limpos, desinfetados, e preparados para serem preenchidos com material inerte e biocompatível. Finalmente, uma restauração é realizada para selar a abertura no dente, e prevenir uma infecção futura.

Após o tratamento de canal, o dente pode apresentar alguma sensibilidade ou dor por alguns dias. Geralmente, analgésicos são eficazes no alívio da dor e medicamentos de prescrição podem ser dados se necessário.

18314996 - beautiful young pregnant woman holding a glass of milk at home

Gestantes e lactantes

Em gestantes, o tratamento pode e deve ser feito, para evitar maiores complicações posteriormente, porém é recomendado no segundo trimestre da gravidez, período mais estável. Não há contraindicação quanto à aplicação de anestésicos locais. O profissional deve estar apto para atender uma gestante com os devidos cuidados. É importante que as consultas sejam breves, radiografias desnecessárias sejam evitadas e quando feitas, seja usado o avental de chumbo no abdômen.

As lactantes devem apenas estar atentas aos horários. Se um tratamento for necessário, procurar fazer uso de medicamentos e anestésicos logo após uma amamentação, para que na próxima, o leite esteja o menos concentrado possível das substâncias, não afetando na qualidade.

Perguntas frequentes:
Como posso evitar a necessidade de tratamento de canal no futuro?
Mantenha seus dentes livres de cárie, escovando e usando o fio dental todos os dias. Ter uma dieta saudável, com pouco açúcar e evitar bebidas ácidas, como refrigerantes. Faça limpezas profissionais regulares e exames. E em casos de prática de esportes, é necessário considerar o uso de protetor bucal feito sob medida para proteger os dentes de uma lesão.

Tratamento de canal é doloroso?
O tratamento de canal pode ter uma má reputação, mas provoca menos desconforto que uma restauração. As infecções são muitas vezes dolorosas, em um primeiro momento, porque é um tecido com muitos nervos e, portanto, muito sensíveis. O tratamento de canal alivia a dor.

Fale Conosco

Color Skin

Nav Mode